Domingo, 14 de Maio de 2006

O repovoamento do interior de Portugal...

Recentemente uma pequena vila do interior de Portugal, que até agora só era conhecida por ser o centro geodésico do país e por aparecer na TV por altura dos fogos, tornou-se notícia da noite para o dia, aparecendo em tudo o que é jornais e telejornais... Tudo devido ao facto de a sua Presidente de Câmara ter decidido "repovoar" o seu concelho com famílias provenientes do Brasil. Esta vila portuguesa dá pelo nome de Vila de Rei, e para quem não sabe fica localizada no sul do distrito de Castelo Branco, sendo que a sua populaçao residente tem vindo a decrescer de forma vertiginosa nas últimas décadas.
Cabe tomar opiniao neste assunto.
Da minha parte considero-me uma pessoa com alguma moral para dissertar sobre esta situaçao, porque tenho laços familiares com a região em causa (zona de Castelo Branco) e estou por dentro dos problemas que a afectam. Tendo em conta o que conheço e sei a este respeito estou plenamente de acordo com atitude da Presidente da Câmara. Esta presidente já dá aos casais que sejam residentes em Vila de Rei e que lá se casem e estabeleçam um subsídio, e dá igualmente um subsídio aos casais que lá tenham filhos. E esta tomada de posiçao nao aparece do nada, surge no seguimento de um esforço que tem de ser feito, já que a regiao em causa está praticamente deserta, grande parte da maioria da populaçao é constituida por idosos, a juventude ou emigra ou foge para grandes cidades. Em vila de rei nao ha desemprego... existe sim é falta de pessoas para trabalhar!
É importante tomar medidas para evitar que esta zona, e muitas outras espalhadas pelo nosso país, se tornem em verdadeiros desertos!
Assim, a Presidente de Câmara esteve muito bem ao tomar esta atitude, dando todas as condições aos brasileiros que vieram: têm emprego e casa garantidos.
Ao que parece a Câmara Municipal já tinha tentado encontrar pessoas na região que quisessem ir trabalhar para Vila de Rei, tendo para isso recorrido aos Centros de Emprego... mas ninguém aceitou essas propostas.
Por isso não percebo o porquê de tanto alarido por parte dos partidos de extrema-direita. Os portugueses nao foram para lá porque não quiseram, estao á espera de quê? Que se torne num deserto?
Deixem-se de discursos racistas e xenófobos e deixem em paz quem quer fazer alguma coisa pelo desenvolvimento do interior do país, deixem estar descansados os brasileiros que apenas vieram para Portugal ganhar a vida honestamente...
publicado por NES-FDL às 01:55
link do post
De Fábio Raposo a 20 de Maio de 2006 às 16:09
Camarada Flecha Ruiz, porventura terás visto no telejornal há uns tempos (talvez menos de um mês) uma reportagem que dizia que 2 ou 3 grandes empresas na região de Guimarães tinham falta de trabalhadores e simplesmente não conseguiam arranjar pessoas para preencherem essas vagas, mesmo tendo feito publicidade e indo aos centros de emprego. Não me façam também querer que em 400 e muitos mil desempregados, não há ninguém que queira trabalhar ali!? Falando de coisas diferentes, parecem haver aqui algumas semelhanças.

Há delinquentes imigrantes e delinquentes nacionais. Falas, com razão, que devia conhecer essa situação. Conheço. Mas o que conheço bem é que, eu próprio, já fui alvo de assaltos por parte de pessoas de "cor negra", de "cor branca" e por "ciganos".
Haverá uma maior probabilidade de imigrantes ilegais se tornarem marginais se não lhes forem dadas oportunidades.
Contudo, também sou completamente contra a legalização em massa. A legalização em massa e a facilidade de legalização apagarão, aos poucos, a diferença entre um imigrante ilegal e um imigrante legal já que o primeiro cedo se tornará no segundo. Basta um pouco de paciência e clandestinidade.

É difícil para nós averiguar, com clareza, os esforços realizados pelo Município para informar as pessoas daqueles benefícios. Posso até considerar que os esforços possam não ter sido muitos ou adequados, mas não corroborarei, com certeza, uma ideia sobre a qual não tenho toda a informação.

Deixo ainda uma pergunta ao camarada Flecha Ruiz: Poderá a Presidente ter agido por interesse? De que interesses falamos então?

Afinal são duas perguntas. Cumprimentos.
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Sobre nós

Benvindo ao Blog do Núcleo de Estudantes Socialistas da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, local de discussão política e fraterna, à esquerda da indiferença, mas sempre no centro da participação.

Site Oficial do NES/FDL

Site Oficial da JS

Site da FDL

Contribuidores

arquivos

Setembro 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

participar

participe neste blog

blogs SAPO

subscrever feeds